terça, setembro 18, 2018
   
Zoom
Login

Insira texto a pesquisar:

imageimageimageimage
Reorganização na Europa A congregação dos Missionários Clarerianos, a nível mundial, organiza-se em Províncias e Delegações.
Jovens com raízes Sendo fã do Papa Francisco, dá-me gozo acompanhar o seu Magistério. Por P. Abílio Pina Ribeiro.
Ajuda Pedrógão Grande!
Pedrógão Grande, Portugal. Juntos, ao lado dos que mais precisam!
Assembleia da DDASTP 2017 São Tomé, São Tomé and Príncipe. 16 Claretianos da Delegação Dependente de Angola e São Tomé e Príncipe.

Apoio às vítimas dos Incêndios!

Na sequência dos incêndios que assolaram o nosso país em junho e em outubro de 2017, os voluntários da PROCURA recolheram vários materiais de primeira necessidade para posteriormente distribuir em Pedrógão Grande e em Tondela, a saber: material de higine, material de saúde, produtos alimentares, roupa de cama, árvores de fruto e alfaias agrícolas. Em várias comunidades, paróquias... como foi o caso da Paróquia de Mira-Sintra foi divulgada a ação e angariados alguns em fundos para comprar árvores de fruto e alfaias agrícolas.

incend1

Queremos agradecer a todas as comunidades o apoio a esta causa que tanto nos toca, bem como a todos os amigos e benfeitores da PROCURA que nos fizeram chegar o seu contributo. Os materiais recolhidos e comprados com os fundos angariados já foram distribuídos ao longo deste tempo em três saídas: 18 de novembro, 8 de dezembro e 10 de Janeiro. Os grupos de voluntários deslocaram-se a estes locais para entregar os materiais em mão a muitas pessoas afetadas pelos incêndios. Também foi entregue à Cáritas o valor concedido a esta causa em nome dos Missionários Claretianos.

 

Para terminar deixamos um testemunho da Bárbara Silva que nos mostra o sentimento geral de todos os voluntários da PROCURA envolvidos nesta ação.

"As pessoas com quem contactamos, na sua maioria, perderam tudo: a casa, os bens e as lembranças fotográficas... ficam as recordações da mente e as histórias que se podem contar na primeira pessoa. Mas, apesar de tudo isto, continuam muito genuínas aceitando o que poderíamos dar e lembrando também outras pessoas que precisavam tanto ou mais que elas. Esta cumplicidade e solidariedade de quem nada tem e ainda se encontra preocupado com os outros que também não têm nada, foi o que mais nos marcou.

As pessoas neste momento, segundo a minha perspectiva, estão preocupadas em ter as suas casas de volta, mas acima de tudo, a sua Vida de volta, ou seja, querem voltar a ter os seus animais, as galinhas, o cão, entre outros, para continuarem as suas rotinas diárias. Para nós, ficam as memórias do que vimos, as vozes e histórias que ouvimos, a vontade de voltar e continuar a amparar e a nossa súplica a Deus que dê força a quem dela precisa".

 

TESTEMUNHOS:

Alexandra Alves: “Penso que nos tocou a todos. De uma maneira ou de outra houve momentos que preferimos viver na ignorância e não ver de frente a realidade aqui tão perto.”

António Rocha: “É uma sensação muito boa perceber que o nosso contributo foi uma ajuda simbólica mas fundamental, deu esperança, trouxe alegria e conforto a quem viveu o terror daqueles dias”.

Bárbara Silva: “As pessoas continuam muito genuínas aceitando o que poderíamos dar e lembrando também outras pessoas que precisavam tanto ou mais que elas. Esta cumplicidade e solidariedade de quem nada tem e ainda se encontra preocupado com os outros que também não têm nada, foi o que mais nos marcou.”

Carlota Silva: “É difícil compreender como é que as pessoas que sofreram tanto e cujos bens estão inteiramente ardidos, têm a capacidade e a força de sorrir sem qualquer esforço e continuarem a preocupar-se com os amigos ou apenas os conhecidos ‘tem a certeza que isto não é necessário mais noutra casa’.”

Catarina Rodrigues: "Dar de caras com todo aquele cenário negro e devastador doeu. Doeu ainda mais perceber o trauma que deixou naquelas pessoas. Por isso, senti que os bens materiais que entregámos e as árvores que lá plantámos foram uma grande ajuda, mas que a ajuda maior que lhes levámos foi, na realidade, a da nossa presença."

Débora Cardoso: "Quando chegámos e nos deparámos com a destruição, por momentos, pensei que não seria capaz de encarar a realidade. Nunca esquecerei os rostos das gentes, do seu sofrimento, mas também da sua esperança."

Daniela Carvalho e Rúben Pedroso: “Quando chegámos ao local, admitimos algum susto perante o que vimos… tudo cinzento, árvores queimadas, casas ardidas, carros e tratores destruídos por chamas. Irreconhecível! O que demorou a construir numa vida, foi destruído em minutos. O que mais nos marcou foi a solidariedade e companheirismo daquelas pessoas: tinham acabado de perder tudo, mas o vizinho da rua em cima precisava mais, devíamos ir lá primeiro.”

Filipa Henriques: “Desde abraços carregados de sofrimento a palavras sentidas de gratidão, o dia tem muita cor apesar do cenário negro. Vai-se notando o árduo recomeço, a luta pela vida."

Natália Almeida: “Dentro de mim algo dizia que a missão é vencer as dificuldades, com Amor. Não posso viver sossegada os meus dias, quando ao "meu lado" o meu próximo vive o drama de ficar sem quase nada. E foi por isso que aceitei ser mais um "Simão de Cirene".

Palmira Lacerda: “Vi pessoas felizes e agradecidas por estarem vivas depois do terror que viveram com as chamas a consumirem tudo. Tocou me a simplicidade e humildade com que nos abordaram e receberam a ajuda.”

Paula Santos: “O que despertou mais atenção foi a necessidade de falar das pessoas… a partilha do que viveram e como vão renascendo pouco a pouco. Muitos dizem que a terra não será a mesma. Mas gostei do seu acolhimento com sorrisos genuínos”.

Pedro Ginja: "Tinha muita vontade de conhecer esta realidade. Queria estar. Queria falar. Queria ajudar quem sofreu. Quem perdeu… Acabei por me aperceber que todos perderam, todos sofreram, todos choraram. Os bens materiais ficaram como símbolo de ajuda. As emoções e as pessoas vieram no nosso coração.

Rui Oliveira: “Esta ação fez-me sair da minha zona de conforto e poder ajudar outros de uma forma mais direta”.

Telma Colaço: “Foi um dia diferente de ajuda ao próximo, de missão de levar um pouquinho de generosidade, de perceber que de um momento para o outro podemos passar por momentos mais difíceis, momento de entreajuda e de crescimento pessoal."

Obrigado a todos pela grande colaboração!

 

Move
-

Em Portugal

Notícias Mais Lidas
Cruzencuentro 2017

Seis foram os portugueses que se dirigiram a Los Molinos (Espanha) para participarem no Cruzencuentro 2017, que decorreu do dia 27 ao 29 de outubro de 2017 com o tema “Te doy mi Palabra”. Este Cruzencuentro...

Ler Mais...
Apoio às vítimas dos Incêndios!

Na sequência dos incêndios que assolaram o nosso país em junho e em outubro de 2017, os voluntários da PROCURA recolheram vários materiais de primeira necessidade para posteriormente distribuir em...

Ler Mais...
Histórias com perfume!

Esta história contou-a o Santo Padre. Estava um refugiado à procura de uma rua, na cidade de Roma, quando uma senhora o abordou:
- Em que posso ajudá-lo?
- Quero ir para a Praça de São...

Ler Mais...
Move
-

Na África

Notícias Mais Lidas
Assembleia da DDASTP

São Tomé, São Tomé and Príncipe. Durante os dias 15 a 17 de Maio, 16 Claretianos da Delegação Dependente de Angola e São Tomé e Príncipe, reuniram-se para em clima de fraternidade e sintonizados...

Ler Mais...
P. César Sacramento e P. Miguel Lino

No dia 18 de Janeiro de 2015, numa manhã de euforia e agitação dos fiéis, em que todos os membros da paróquia procuravam ver finalmente o espetáculo e avaliar...

Ler Mais...
Claretianos vencem campeonato de futebol nos Camarões

No passado dia 26 de Maio de 2015, no estádio de futebol dos CICM (Missionários scheutistas), em Ngoya – Yaoundé (Camaões), teve lugar a final do torneio da Escola Teológica...

Ler Mais...

RUMO A UMA NOVA PROVÍNCIA

banner np2

SITE DA CONGREGAÇÃO

À Procura

Colégio Int. Carvalhos

Colégio Univ. Pio XII - Lisboa

Casa Acolhim. e Espiritualidade

Casa Claret Voluntariado S. Tomé

Em linha

Temos 22 visitantes e 0 membros em linha

Ajude-nos a Ajudar!

Entrada      Participe!      Notícias      Contactos      Donativos


 

Autenticação